quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Greve: Servidores da educação de Santa Rita paralisam as atividades a partir de hoje dia 30


O SINFESA, Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Santa Rita, realizou na manhã desta quinta, 30, mais uma assembleia para discutir o descumprimento de diversos direitos dos servidores efetivos da educação (professores e pessoal de apoio).

Diante da intransigência da gestão e por maioria absoluta, foi deliberado, votado e aprovado a paralisação a partir de hoje de todas as unidades educacionais do município até terça, dia 04/02, data em que será realizada uma assembléia geral para todos/as servidores/as de todas as secretarias para avaliação de possível proposta da SME e definir os rumos do movimento paredista.

De acordo com alguns professores que estiveram em contato com o blog, o ao letivo das crianças de Santa Rita está altamente ameaçado de não ter início por puro intransigência e falta de diálogo e respeito da gestão para/com os servidores.

"A prefeitura não quer de maneira alguma pagar o terço de férias do pessoal de apoio nem tampouco dar o aumento salarial dado pelo MEC, e, se assim seguirem, sem pagarem os direitos do pessoal de apoio, a greve se estenderá por tempo indeterminado" afirmou uma professora que não quis se identificar temendo represálias da gestão, que segundo ela, prefere perseguir à garantir os direitos dos servidores.

Abaixo o chamado do sindicato para os servidores de todas as secretarias:



Da Redação.

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Vereador chama prefeito de LADRÃO e o desafia para debate público





Na edição do último sábado, 25, do Programa Sem Nome, apresentado por Humberto Alexandre e John Anderson e veiculado pelas ondas da 100.5 FM, o Líder da bancada do PSB na Câmara Municipal de Santa Rita Aurian Lima fez uma declaração bombástica, chamando o prefeito de Santa Rita de LADRÃO e o desafiou para um debate público, onde o parlamentar mostraria à toda sociedade as provas documentais de tais crimes.


Procurado pela redação do blog, o parlamentar afirmou: "estou aguardando ansiosamente ele responder e aceitar o desafio. Pois, quero publicamente provar e mostrar para os meus co-munícipes o tamanho da roubalheira que se instalou na Prefeitura de nossa cidade" pontuou.


De acordo com alguns subalternos do edil, o prefeito está mobilizando suas dezenas de advogados à disposição da PGM para processar o parlamentar e pedir que ele apresente as provas.


Já o vereador, em conversa com o blog, afirmou que é o que mais ele quer: ter a oportunidade de mostrar publica e judicialmente os documentos probatórios existentes em seu poder.


Abaixo segue o áudio onde o líder do PSB na câmara desafia e chama o prefeito Reginaldo de LADRÃO.



Da Redação.





video

Enquete de rádio aponta índices de extrema rejeição do povo à administração de Reginaldo em Santa Rita

Na manhã desta Terça (28/01) o Programa Destaque Paraíba da 100.5 a FM Líder, ancorado pelos jovens apresentadores Wilams santos e Cristiano DLuca realizou uma enquete, sem fins científicos, na qual perguntavam que nota o ouvinte dava à péssima administração de Reginaldo Pereira em Santa Rita.



Como era de se esperar e diante do caos administrativo em que se encontra a cidade, os resultados não poderia ser outro que não a enxurrada de notas 0 (Zero) advindas de uma população saturada e cansada de tanto massacre e descaso com a bela cidade canavieira.

A enquete teve os seguintes resultados:


  • Um ouvinte deu nota 03
  • Cinco comissionados da Prefeitura deram nota 10 e
  • Quatorze ouvintes deram uma sonora nota 0
A enquete foi motivada a partir da nota 04 dada à desastrosa gestão de Pereira pelo apresentador, funcionário da PMSR e cabo eleitoral de Reginaldo, Samuka Duarte,  em uma participação no Programa Sem Nome no último Sábado (25/01) na 100.5 A FM Líder.

Com essa enquete, fica mais uma vez provado e comprovado que os 95% que o prefeito diz ter, não passa de devaneio do mesmo. Basta andar nas ruas da cidade e veremos que a rejeição do alcaide é quem bate a casa dos 95%.


Da Redação.

Promotoria recomenda que prefeitura de Santa Rita utilize as cores oficiais do município nos prédios públicos

A Promotoria do Patrimônio Público expediu recomendação ao Município de Santa Rita para que adeque os prédios públicos e veículos oficiais às cores determinadas na Lei Municipal nº 1.528/2013, de autoria do vereador João Júnior (PSB), no prazo de seis meses, bem como se abstenha de utilizar no site da Prefeitura e nos documentos oficiais cores não autorizadas pela Lei.



Segundo a promotora de Justiça Anita Bethânia Rocha, a Lei Municipal nº 1.528/2013 determina que as cores oficiais do Município de Santa Rita são o verde, branco e vermelho, aquelas predominantes na sua bandeira.

A lei estabelece ainda que a cor predominante na fachada dos prédios públicos será, obrigatoriamente, a verde. A utilização das cores oficiais do Município, instituídas pela lei, será obrigatória quando da construção ou reforma dos prédios público.

Ainda segundo a promotora, documentação juntada pelos vereadores de Santa Rita comprovam que os sites, bem como os documentos oficiais trazem as cores utilizadas na campanha do atual prefeito, e que tais cores não constam no rol taxativo da lei municipal.

A recomendação destaca que a Constituição Federal determina que a administração pública direta e indireta obedecerá ao da impessoalidade e que a publicidade dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos deverá ter caráter educativo, informativo ou de orientação social, dela não podendo constar nomes, símbolos ou imagens que caracterizem promoção pessoal de autoridade ou servidores públicos.


Fonte: Portal do MPPB com redação.